Geologia e Ambiental

30 de setembro de 2009

Treinamento?

Não consigo entender porque os 175 novos fiscais do ICMBio para atuar na Amazônia foram ser treinados em Iperó/São Paulo.
Combate à retirada ilegal de madeira, desmatamento, queimadas, garimpos e outros ilícitos dentro das unidades de conservação na Amazônia e seu entorno.

Esse tem sido um dos fios condutores do curso de formação em Gestão da Biodiversidade que segue até 10 de outubro na Academia Nacional da Biodiversidade (Acadebio), localizada na Floresta Nacional de Ipanema, em Iperó/SP.
Será que tudo que tem lá tem aqui ou o que em aqui não tem lá?
Não seria conveniente montar uma Academia de Biodiversidade Amazônica?
Sei lá...Alguém pode explicar?

Campanha nota 10!



Esta é uma campanha que todos deveriam se ombrear.
Parabéns, Dudu!

Maquiagem

A nota publicada aqui neste espaço sobre a posição contrária do Conselho Consultivo do PARNA (Parque Nacional da Amazônia), com informações diretas do sítio do ICMBio pode ter tido o documento final adulterado.

Uma componente do Conselho comunicou que já pediu a retificação da ata da reunião e prontificou-se a encaminhar ao blogger para a devida publicação.

Que papel feio do ICMBio!

Cerco à FUNAI - 2

Comentário de Walter Tertulino, ex-dirigente da FUNAI sobre o caso:

Carissimo Jubal, imperiosa e necessária sua pequena reportagem sobre o cerco à Funai, que realmente encontra-se na contra mão de direção dos Órgãos Assistenciais do Governo Federal, para complicar mais a situação, é impensavel a existencia de uma estrutura administrativa e operacional em Itaituba quando os indios que presta assistencia(?) residem em teriitorio Jacareacanguense. Gestões, idas e vindas de caciques e lideranças à Capital Federal até hoje redundaram em fracasso por culpa única da propria organização indigena, que não chegam juntos à conclusão do que realmente querem. Uns querem a troca imediata de todo elenco que está viciado e inservivel à atividade indigenista na região; outros querem a preservação dessas cabeças, e alguns celulares... mas quem vai comprar os creditos?
-Cara a coisa ta feia para os Munduruku.
O Organismo Indigenista Federal, afastou-se dos Munduruku, reclamam essses, e a Funai de Itaituba o que diz dessa omissão?
Te abraço Jubal

 A TV Eldorado fez uma reportagem, que irá ao ar no Jornal Eldorado - aquele que tem mais propaganda do que notícias - nesta quarta-feira.
Os líderes Elinaldo Crixi, Hans Kabá, Rosinildo e Walmar informaram que tem que ser feita alguma coisa pra tirar os Munduruku desta penúria. Tanto que a FUNAI está ocupada por cerca de 60 indígenas aguardando uma resposta do presidente do órgão às suas reinvidicações.
E passando fome por lá.
Mas os "Caçadores de Cabeças" são persistentes e vão continuar cobrando.

Já solicitei ao repórter Mauro Torres uma cópia da matéria de hoje para disponibilizar através do You Tube.

Perigando...

O mandato da prefeita Gorete Xavier, de Aveiro está fazendo água.
O parecer do Ministério Público, de que houve irregularidades flagrantes na eleição de 2008 foi favorável à cassação da prefeita.

A informação partiu dos corredores do Fórum.
Do portal Congresso em Foco:

Mais de meio milhão de brasileiros poderão usar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para quitar consórcios para compra da casa própria. Criada pelo governo para recuperar os cofres dos municípios em meio à crise financeira mundial, a Medida Provisória 462/09 também incluiu a permissão de usar o fundo para pagar prestações desse tipo de consórcio. Antes disso, somente quem se sujeitava aos financiamentos imobiliários podia sacar o FGTS para pagar as prestações ou usar como entrada na compra da residência.
A mudança no uso do FGTS ainda depende da sanção do presidente Lula para virar lei. Segundo a Casa Civil, ainda não foi decidido se a MP será sancionada integral ou parcialmente.

Há um ano o presidente Lula vetou a liberação do FGTS para o pagamento de parcelas e quitação de consórcios de imóveis ao sancionar a Lei 11.795/08, que regula o setor. A mudança, incluída na época pelos senadores, foi vetada pelo presidente com a justificativa de que a ampliação do fundo acarretaria um volume significativo de saques e diminuiria os recursos disponíveis para o financiamento da casa própria
.

Piracaia em Alter do Chão

Informa a Conexão Oeste Produtora:

O último acerto foi fechado. A Amazônida Turismo e Eventos vai ficar responsável pela venda de convites da piracaia em Alter do Chão, no dia 16 de outubro.
O chefe de cozinha vai ser o Castelo, que reside na vila balneária. O contextualizador do evento será Ed Lopes, com longa tradição em eventos culturais e um dos responsáveis pelo setor de criação do Boto Tucuxi.
Três humoristas entreterão os convidados. São ele, Teodorico, Miguelito e Romário. A cabocla borari será Tayane Birro. O Boto homem está sendo procurado pelos dirigentes do Boto Tucuxi.
Está certo também que o cantor, que destacará as músicas regionais, será Nélson Vinencci.
O resto fica por conta da cuia, farinha, sal, pimenta, da cachaça com limão, luar, vento gostoso da noite de Alter do Chão…
Ah! Vamos ainda gravar imagens para a produção do DVD Piracaia em Alter do Chão.

Ainda dá tempo de participar!

29 de setembro de 2009

Internet em Jacareacanga

Queixam-se os moradores de Jacareacanga que a internet local, por lá, só funciona aos empurrões.
Quando falta o pagamento do provedor-mor, ela engata uma ré.
Assim...

Cerco à FUNAI

Os indígenas Munduruku de várias aldeias do Tapajós vieram até Itaituba para ter uma decisão de como vai ser o atendimento da FUNAI a eles.
Estiveram propensos a fechar o órgao e só se retirar após uma decisão concreta.
Atualmente, a FUNAI não consegue cumprir sua finalidade principal com os indígenas: promover a educação  básica aos índios, demarcar, assegurar e proteger as terras por eles tradicionalmente  ocupadas, estimular o desenvolvimento de estudos e levantamentos sobre os grupos indígenas.  A Fundação tem, ainda, a  responsabilidade de defender as  Comunidades Indígenas, de despertar o interesse da sociedade nacional pelos índios e suas causas, gerir o seu patrimônio e fiscalizar as  suas terras, impedindo as ações predatórias de garimpeiros, posseiros, madeireiros e  quaisquer outras que ocorram dentro de seus limites e que representem um risco à vida e à  preservação desses povos (do site FUNAI). 

E OS INDÍGENAS NÃO SÃO BOBOS PRA CONTINUAREM A SER ENGANADOS POR  ESPELHOS E CONTAS.
Agora eles querem aparelhos celulares de ponta e grana no bolso.

Haverá Mudanças?

Do Diário do Pará:
O projeto de iniciativa popular entregue hoje na Câmara que propõe que sejam barrados os candidatos com ficha suja deverá receber alterações para que se torne mais brando, segundo tendência verificada pelo presidente da Casa, Michel Temer (PMDB-SP). O projeto protocolado proíbe que concorram às eleições pessoas condenadas em primeira instância, ou com denúncia recebida por um tribunal, por crimes de racismo, homicídio, estupro, tráfico de drogas e desvio de verbas públicas, além das já condenadas por compra de votos ou uso da máquina pública. As ações precisam ser movidas pelo Ministério Público para evitar que sejam apenas de uso político do adversário.
 Já querem uma ajudazinha nos "sujos" que estão no Legislativo. Como se pode avançar na lisura das eleições brasileiras?

ITR

Só pra lembrar dos eternos "esquecidos": o prazo para que os produtores façam a declaração do Imposto Territorial Rural (ITR) termina nesta quarta (30). O  proprietário deve levar a última declaração de ITR e caso esteja atrasada, procurar a unidade da Receita Federal e retirar um espelho da propriedade (documento que demonstra a situação da terra).
Para a isenção do imposto é preciso que o contribuinte indique o valor real da propriedade para a Receita, além das áreas de preservação ambiental devidamente averbadas e declaradas no ADA (Ato Declaratório Ambiental). 
O ITR funciona como dispositivo para auxiliar o levantamento da propriedade rural, bem como, na regulamentação exigida por lei. A porcentagem é calculada conforme a área e sua utilização. A base de cálculo é o valor da terra sem qualquer tipo de benfeitoria ou beneficiamento (terra nua).
Os contribuintes do imposto podem ser proprietário do imóvel, tanto pessoa física quanto jurídica, titular do seu domínio útil ou ainda, seu possuidor a qualquer título. Parte da receita vai para o município e Estado arrecadador, na proporção variável, conforme o ente fiscalizador atuante, ou seja, quem fiscaliza leva a maior parte do ITR.
 

Até 2012

Da Agência Brasil, um balde de água geladíssima nas pretensões dos vereadores reservas:

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Carlos Ayres Britto, encaminhou hoje (28) aos presidentes dos tribunais regionais eleitorais (TREs) ofício em que reitera o entendimento do TSE de que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 336/2009, conhecida como PEC dos Vereadores, promulgada na última semana pelo Congresso Nacional, não poderá entrar em vigor nesta legislatura. A PEC aumentou o número de vereadores em municípios de todo país dos atuais 51.988 para 59.611.

No ofício, Britto citou a resposta a uma consulta, em 2007, na qual o TSE disse, de forma unânime, que a emenda constitucional não retroage. Assim, o novo número de cadeiras parlamentares fixadas pela PEC dos Vereadores teria de ser submetido a uma convenção partidária, o que se dá entre 10 e 30 de junho do ano da eleição. 

 Até 2012.

Em Baixa

A assinatura da ficha de filiação no PMDB, do médico Edir Pires em Belém mostra como anda o moral do presidente do partido em Itaituba.

Tudo a ver ...nada a ver.

28 de setembro de 2009

Expectativa II

A Magellan está anunciando o início da perfuração adicional em seu projeto de ouro Cuiú-Cuiú, no norte do Brasil.
 
Cuiú-Cuiú está localizado a 180 km a sudoeste da cidade de Itaituba, no norte do Brasil e já produziu uma estimativa 1,5 - 2.0Moz (1 onça (oz) é equivalente 31,103478g) de  ouro de aluvião. A Magellan identificou cinco principais anomalias em solo de ouro no Cuiú-Cuiú bem como inúmeras outras amostras de ouro resultantes da prospecção. 
A perfuração anterior mostrou valores até 220m@2.02g / t Au na zona central, e 39m@5.13 g / t na zona de Jerimum de Cima (tal como anunciado em comunicados de imprensa em 2 de junho de 2008 e 30 de abril de 2008, respectivamente ).

Expectativa

Uma grande esperança está se formando no meio dos garimpeiros com a vinda da força-tarefa do DNPM e SEMA estadual, para a liberação de PLG's.

No entanto, grande parte desta esperança vai estar soterrada se não for feito (e provavelmente não será) um convênio que repasse ao município - no caso a SEMMA - a permissão da concessão das LO dos garimpeiros.
Pelo menos este é o pensamento dos dirigentes da parte estadual, uma vez que a agencia ambiental local não apresenta condições técnicas para tal fim.

Isto significa que as obrigações ambientais - o processo de licenciamento ambiental - dos garimpeiros serão mais exigidas e deverão ser realizadas por uma equipe multidisciplinar, que consiga caracterizar o empreendimento, fazer a avaliação dos impactos ambientais, as medidas mitigadoras e elaborar um plano de monitoramento de águas e sedimentos.

Quer dizer, não será projeto para amadores. Então desconfie de trabalhos quase gratuitos.

CPRM EM ITAITUBA

Nossos edis bem que poderiam promover uma sessão especial para homenagear a CPRM - Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais, que por longos anos esteve estabelecida em Itaituba desenvolvendo um trabalho inédito em geologia, geomorfologia, caracterização municipal e gestão territorial do município, com o PRIMAZ.

Mas lembrança não é o forte desta turma.
Ali só se discute o que é bom e o que é ruim. Pros bolsos vazios ou cheios da "tchurma".

Boatos

Não é verdade que o vereador Peninha tenha sido homenageado pelo Polícia Militar durante o desfile comemorativo aos 191 anos de sua fundação.
De nenhuma maneira!

Candidato

De um comentarista do Portal Buré:

Rôse - o Rosivaldo, ex-verador em Itaituba - disse que recebeu um convite do seu partido (PCdoB) para concorrer a uma vaga como Deputado Estadual, e não pensou duas vezes. Disse que vai encarar o desafio. Rose é ex-vereador por três mandatos em Itaituba, ex-coordenador da Funasa e atualmente desenvolvendo um grande trabalho com a classe menos favorecida de Jacareacanga.

 Como podem ver, a corrida por uma vaga nos que vão disputar o pleito já começou.
Mas, quem sabe poderá ser somente uma tentativa de negociar um cargo em órgão estadual/federal?
Outro candidato - o Passa Sábado - tá nessa de Coalhada, o craque criado por Chico Anysio: anuncia que joga, mas não entra em campo.

Se eu morrer antes de você



Se eu morrer antes de você, faça-me um favor.
Chore o quanto quiser, mas não brigue com Deus por Ele haver me levado.
Se não quiser chorar, não chore.
Se não conseguir chorar, não se preocupe.
Se tiver vontade de rir, ria.
Se alguns amigos contarem algum fato a meu respeito, ouça e acrescente sua versão.
Se me elogiarem demais, corrija o exagero.
Se me criticarem demais, defenda-me.
Se me quiserem fazer um santo, só porque morri, mostre que eu tinha um pouco de santo, mas estava longe de ser o santo que me pintam.
Se me quiserem fazer um demônio, mostre que eu talvez tivesse um pouco de demônio, mas que a vida inteira eu tentei ser bom e amigo.
Se falarem mais de mim do que de Jesus Cristo, chame a atenção deles.
Se sentir saudade e quiser falar comigo, fale com Jesus e eu ouvirei.
Espero estar com Ele o suficiente para continuar sendo útil a você, lá onde estiver.
E se tiver vontade de escrever alguma coisa sobre mim,
diga apenas uma frase :
' Foi meu amigo, acreditou em mim e me quis mais perto de Deus !'
Aí, então derrame uma lágrima.
Eu não estarei presente para enxuga-la, mas não faz mal.
Outros amigos farão isso no meu lugar.
E, vendo-me bem substituído, irei cuidar de minha nova tarefa no céu.
Mas, de vez em quando, dê uma espiadinha na direção de Deus.
Você não me verá, mas eu ficaria muito feliz vendo você olhar para Ele.
E, quando chegar a sua vez de ir para o Pai, aí, sem nenhum véu a separar a gente, vamos viver, em Deus, a amizade que aqui nos preparou para Ele.
Você acredita nessas coisas ?
Sim???
Então ore para que nós dois vivamos como quem sabe que vai morrer um dia, e que morramos como quem soube viver direito.
Amizade só faz sentido se traz o céu para mais perto da gente,
e se inaugura aqui mesmo o seu começo.
Eu não vou estranhar o céu . . .
Sabe porque ?
Porque...
Ser seu amigo já é um pedaço dele !

Vinícius de Moraes

27 de setembro de 2009

Avante, Pantera!

O São Raimundo já está na próxima fase da Série D. Das semi-finais.
Venceu o Cristal, do Amapá por 2x0. Com gols de Michel.
E, no próximo ano já ascendeu à Série C.

Das Cassações...

A Lei 9.840/99 que instituiu as punições aos “compradores de voto” foi criada a partir de um projeto de iniciativa popular, que contou com mais de um milhão de assinaturas. Entre as entidades engajadas para que o projeto fosse aprovado estavam a CNBB e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).
A norma, sancionada em 1999 pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso, promoveu alterações na lei eleitoral, estabelecendo multas e a cassação de mandato como penas para a compra de votos e o uso da máquina administrativa durante o período eleitoral.
Só em 2008, 238 prefeitos eleitos no pleito daquele ano tiveram seus mandatos cassados pela Justiça Eleitoral, segundo o TSE. Desde a criação da nova lei, vários governadores e prefeitos já perderam os mandatos por irregularidades cometidas durante o processo eleitoral. “As estatísticas são extraordinariamente animadoras”, disse Ayres Britto.
Os números de perdas de mandato divulgados pelo TSE são baseados em levantamento do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) –organização que reúne 43 entidades, entre elas a Associação Brasileira de Magistrados, Procuradores e Promotores Eleitorais (Abramppe), Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) e a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O MCCE tem números mais atualizados porque usa dados dos Tribunais Regionais Eleitorais, que em geral chegam ao TSE apenas quando há recurso contra as decisões.

Fonte: Portal ORM

Dia Mundial do Turismo


Em 27 de setembro de 1970, foi instituído o Dia Mundial do Turismo, como uma forma de homenagear a data de aprovação dos Estatutos da Organização Mundial do Turismo. Entidade intergovernamental vinculada às Nações Unidas,  a OMT (ou UNWTO, sigla internacional) funciona como um fórum mundial sobre as políticas e as questões relativas ao desenvolvimento do turismo e do entendimento mundial. Entre seus membros estão 144 países e territórios, e mais de 350 organizações afiliadas dos setores público e privado.
Preocupada em fomentar o diálogo e o aprimoramento das relações comerciais no mundo, tendo o turismo como foco principal, a OMT define e recomenda um tema relevante para reflexões sobre os impactos da atividade turística no Planeta. Para 2009, alinhado com os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, a Organização Mundial coloca em discussão o tema: O Turismo celebração da Diversidade.

Por aqui, o turismo...bom, deixa pra lá.
Talvez, ano que vem, quando estiver extinta esta secretaria se lembrem dele.

Concurso do IBGE




Estão abertas, desde o dia 21 deste mês, as inscrições para o processo seletivo simplificado para Agentes Censitários do IBGE, com 33.012 vagas, distribuídas por todos os 5.565 municípios do Brasil.







No Estado do Pará são oferecidas 1092 oportunidades. O edital divide o total de vagas, no Estado em 10 de Agente Censitário Regional (ACR), 20 de Agente Censitário Administrativo (ACA), 179 Agentes Censitários Municipais (ACM), 840 Agentes Censitários Supervisores (ACS) e 43 de Agentes Censitários de Informática (ACI).
O quadro de vagas por municípios e áreas de trabalho está disponibilizada no site da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br). Estão reservados 5% do total de vagas para os portadores de necessidades especiais.
O prazo das inscrições termina em 06 de outubro de 2009, e poderão ser feitas pela Internet (www.cesgranrio.org.br) ou em Postos de Inscrição nos municípios ou área de trabalho (áreas extensas e específicas das cidades) onde o candidato desejar trabalhar.
A taxa de inscrição é de R$ 22,00 para as funções de Agente Censitário Municipal (ACM), Agente Censitário Supervisor (ACS) e Agente Censitário de Informática (ACI); de R$ 18,00 para a função de Agente Censitário Administrativo (ACA) e de R$ 30,00 para a função de Agente Censitário Regional (ACR).

Nos municípios ou áreas de trabalho onde não existirem Agência(s) Credenciada(s) dos Correios designada(s) como Posto(s) de Inscrição, haverá outros Postos credenciados. 
A lista de todos os Postos no país pode ser conferida no site da Cesgranrio.




Fonte: Assessoria de Imprensa do IBGE

Alegria, alegria..

Ontem, os novos administradores oriundos da Faculdade do Tapajós estavam felicíssimos.
A festa que comemorou a formatura estava muito bem organizada.
Do diretor ao servidor mais esquecido, o Blog envia felicitações.

Opinião se Discute?

Dias desses, o apresentador do Balanço Geral, da TV Itaituba, afiliada da Record, após uma reportagem de Aldo Arraes sobre os prédios municipais históricos emitiu a sua "profunda" opinião:

  • a administração municipal não é responsável pela conservação;
  • prédios velhos deveriam ser derrubados e construídos novos em seu lugar.
Claro que cada um tem sua opinião, mas muitas vezes é melhor ficar caladinho da silva se for pra falar estas pérolas acima.

A PRF em Ação

A Polícia Rodoviária Federal está em ação no município.
Tentando colocar ordem na casa na BR-230.

Se fosse "de vera" os outros órgãos de segurança de trânsito se uniriam aos policiais federais e fariam a verificação dos demais veículos nas rotas de fuga da Transamazônica.
Mas, se não tiver holofotes pros COMTRI e DETRAN nem pensar...

26 de setembro de 2009

Casamento

Soubemos que, caladinho, caladinho o Norton Sussuarana sacramentou seu casamento ontem à noite.
Felicidades aos noivos.

A Pelada

Ontem foi realizada mais uma partida entre as equipes de peladeiros Amigos do Waldeci x Amigos do Walber.

Na verdade, nesta "pelada" parecia que os adversários de um e de outro estavam integrando os times diferentes.
Tinha "nego" tão nervoso que estava falando fino. Outros nem falavam.
O juiz? Coitado...recebeu todos os adjetivos "elogiosos" à sua mãe da rua...rs

A "casa" só entrou em ordem quando acabou a partida e todos se reuniram no boteco do estádio.
Vitória dos AWB por 6x5.

Homenagem



Minha irmã Graça, feliz da vida após ser homenageada pelo CEFET/Fortaleza.

Juca


Simples assim: Juca!
Nunca conheci e não conhecerei alguém com o carisma do Juvêncio de Arruda.
Até a simplicidade de seu apelido é simples: Juca!

Quantos sabiam que o Juca faria 54 anos neste sábado?
Pois é. Neste dia sempre tomamos mais uma "gelada" e saboreamos algo especial na mesa.
Seria assim se ele estivesse vivo e saudável.
Até o sábado comemora o Juca!

Hoje eu vou fazer coisas que ele gostava demais: comer bem e beber uma cerveja. De preferência Brahma.
E como o Juca sabia apreciar a boa comida ou bebida.
Que o diga seu pessoal mais chegado (a família), que lavava os talheres e pratos de tarde, de noite, de madrugada quando ele provava tudo o que fazia. E ainda mandava dizer o que fazia aos seus leitores.

Só pra relembrar dele...

Lembra do Juca é lembrar do Quinta Emenda. Da Nova Déli. Da Presidente Vargas. Do Brasiliense. Do Quemzão. Do "ministro da educação" Ranulfo. Do Espaço Aberto. Do Botafogo. Do Beto Salomão. Da mídia política. Dos anônimos que fizeram a vida do Quinta Emenda. Dos jotas que permearam a sua vida (e eu entre eles).

Lembrar de sua família. Da admiração que sentia pelos pais, pelos tios e primos.
Mas sentia um especial sentimento por sua companheira. Além do amor.
A Marise. Ela sabe, mas nunca é demais dizer que nunca vi alguém ter os olhos iluminados quando falava de sua eterna namorada.
De seus rebentos. Do orgulho em falar deles e neles. Da preocupação com eles. Do conforto em estar com eles. E eles sentiam um orgulho enorme por esta figura ímpar, não é Lívia?
Nunca desejamos perder alguém a qual amamos, [porém] dentro do que nos foi apresentado, este foi o “melhor” fim. Sem dor, com tantos amores ao seu redor, carinhos. Foi feliz até o último minuto. Foi fiel a tudo que sempre pregou e acreditou. É amado e admirado por tantos quanto ele merecia [e soube como ele só retribuir tanto amor].

Da alegria que sentia quando recebia um telefonema de um de seus amigos. Que não eram poucos. Sempre com uma palavra de estímulo e uma observação perpiscaz sobre o assunto que estava em voga.

É, Juvêncio de Arruda... caro, como fazes falta!
Fica em paz, pois durante muitos momentos me destes paz.
E parabéns por tudo o que criastes: família, amigos, admiradores e o Quinta, é claro.

25 de setembro de 2009

Pesquisa

O blog quer saber se o aumento dos vereadores nas Câmaras Municipais resolve os problemas legislativos.

Participe!
Exercite seu voto.

COLAÇÃO DE GRAU NA FAT

Hoje à noite, os novos administradores formados pela FAT - FACULDADE do TAPAJÓS recebem seus canudos.
Amanhã vai acontecer o Baile de Formatura, na sede da AABB.
Professor Jadir Fank e séquito rindo com as paredes.
Parabéns, administradores!

CAMPEONATO ITAITUBENSE

Ainda tem torcedor admirado com a goleada sofrida pelo América ante o GENASC pelo elástico placar de 5x0.
Principalmente o técnico Pedro, que não soube como parar o ataque do time adversário.

Boi Pirata II

Fiscais do Ibama na Operação Boi Pirata II observaram, numa vistoria de helicóptero realizada na última terça-feira (22/9), muitos pastos vazios no interior da Floresta Nacional - Flona do Jamanxim, em Novo Progresso, no sudoeste do Pará. “Tudo indica que boa parte do gado deverá ser retirada dentro do prazo, evitando a apreensão”, acredita o analista ambiental Paulo Maués, da Divisão de Fiscalização da Superintendência do Ibama em Belém, que acaba de assumir a coordenação da operação na região.
Apesar de ainda haver rebanhos na Flona, cerca de oito mil bois já deixaram a área protegida, segundo estimativa do órgão. Um único comprador vindo de Mato Grosso, de acordo com os agentes envolvidos na ação, adquiriu, nos últimos dias, duas mil cabeças, de fazendeiros notificados a retirar os animais da unidade de conservação.
Com apoio da Força Nacional e do Batalhão de Polícia Ambiental, a Boi Pirata II combate o desmate para a atividade pecuária em áreas protegidas na Amazônia Legal. A operação já apreendeu 628 bois e 101 ovelhas, que serão doados ao Programa Fome Zero, do Governo Federal, e notificou a retirada de cerca de 20 mil cabeças de gado criado em terras proibidas, como a Flona do Jamanxim.
O cadastro de áreas embargadas pelo Ibama pode ser consultado aqui. A pesquisa pode ser feita por estado, município, propriedade, produtor, entre outros.


Nelson Feitosa
Ascom Ibama/Marabá

Os Limites da Terra

Agência FAPESP 

Identificar e quantificar os limites da Terra que não podem ser transgredidos ajudaria a evitar que as atividades humanas continuem causando mudanças ambientais inaceitáveis. A afirmação, de um grupo internacional de cientistas, está em artigo destacado na edição desta quinta-feira (24/9) da revista Nature.
Segundo eles, a humanidade deve permanecer dentro dessas fronteiras para os processos essenciais do sistema terrestre se quiser evitar alterações ambientais de dimensões catastróficas. Esses limites representariam os espaços seguros para a ação e para a vida humana.
O conceito de limites (ou fronteiras) planetários representa um novo modelo para medir as agressões ao planeta e define espaços seguros para a existência humana. Seguros tanto para o sistema terrestre como para o próprio homem, por consequência.
Johan Rockström, da Universidade de Estocolmo, na Suécia, e colegas sugerem nove processos sistêmicos principais para esses limites: mudanças climáticas; acidificação dos oceanos; interferência nos ciclos globais de nitrogênio e de fósforo; uso de água potável; alterações no uso do solo; carga de aerossóis atmosféricos; poluição química; e a taxa de perda da biodiversidade, tanto terrestre como marinha.
Para três desses limites da ação humana – ciclo do nitrogênio, perda da biodiversidade e mudanças climáticas –, os autores do artigo argumentam que a fronteira aceitável já foi atravessada. Afirmam também que a humanidade está rapidamente se aproximando dos limites no uso de água, na conversão de florestas e de outros ecossistemas naturais para uso agropecuário, na acidificação oceânica e no ciclo de fósforo.
O estudo dá números para esses limites. Para o ciclo do nitrogênio, por exemplo, antes da Revolução Industrial a quantidade de nitrogênio removido da atmosfera para uso humano era zero. O limite estabelecido pelo estudo é de 35 milhões de toneladas por ano. Parece muito, mas os valores atuais são de 121 milhões, mais de três vezes além do limite aceitável.
A taxa de perda de biodiversidade, calculada em número de espécies extintas por milhão de espécies por ano era de 0,1 a 1 até o início da era industrial. O limite proposto pelo estudo é de 35, mas o valor atual passou de 100.
O consumo de água potável por humanos era de 415 quilômetros cúbicos por ano antes da Revolução Industrial. Hoje, chegou a 2.600, perigosamente próximo ao limite sugerido de 4.000 quilômetros cúbicos por ano.
Os pesquisadores destacam a necessidade de se estabelecer os limites também para a emissão de aerossóis atmosféricos e de poluição química, apesar de não haver, atualmente, dados suficientes para tal definição.
Transgredir uma única dessas fronteiras planetárias por um tempo demasiadamente longo é o suficiente, argumentam, para promover alterações ambientais “abruptas e inaceitáveis que serão muito danosas ou até mesmo catastróficas à sociedade”. Além disso, quando um limite é derrubado, os níveis de segurança dos outros processos acabam sendo seriamente afetados.
“Embora a Terra tenha passado por muitos períodos de alterações ambientais importantes, o ambiente planetário tem se mantido estável pelos últimos 10 mil anos. Esse período de estabilidade – que os geólogos chamam de Holoceno – viu civilizações surgirem, se desenvolverem e florescerem. Mas tal estabilidade pode estar em risco”, descrevem os autores.
“Desde a Revolução Industrial, um novo período surgiu, o Antropoceno, no qual as ações humanas se tornaram o principal condutor das mudanças ambientais globais”, destacam. Segundo os pesquisadores, se não fosse a pressão promovida pelo homem, o Holoceno continuaria ainda por muitos milhares de anos.
O artigo A safe operating space for humanity, de Johan Rockström e outros, pode ser lido por assinantes da Nature em www.nature.com.

24 de setembro de 2009

Áreas Embargadas

Dentre as áreas embargadas no município de Itaituba estão de pessoas influentes na cidade.
Para acessar basta clicar no link acima, escolher estado (Pará) e o município.

Também no Trairão está embargada uma área do ex-prefeito Ademar Baú, entre outros.

A PEC dos Vereadores

Ainda refletindo luzes fugazes sobre o tema, já se tem a opinião de dois ministros do STF e da OAB federal: são contra a aplicação imediata, isto é, que retroaja aàs eleições de 2008.
Sob o ponto de vista jurídico não será desta vez que os suplentes de vereador terão suas expectativas de assumir o cargo ao qual disputaram nas últimas eleições proporcionais de 2008.O Supremo Tribunal Federal será o responsável por decidir se PEC 336/09 valerá retroativamente. Mas ministros já se manifestaram contra. E TSE também.
Isto e muito mais você lê aqui, em Pelos Corredores do Planalto.

Licenciamento Ineficiente

Do portal Amazônia:

Uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) constatou diversos problemas na avaliação dos impactos ambientais realizada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Segundo o TCU, a ausência de acompanhamento sistemático compromete a efetividade do licenciamento ambiental como um todo.

 Quer dizer quem recebe a licença não se preocupa em cumprir aquilo que se comprometeu e o órgão responsável pelo licenciamento nem verifica se está havendo as medidas mitigadoras.
Por aqui é a mesma coisa: a SEMMA licencia, mas não tem pessoal para fazer as verificações do licenciamento.

Olho Vivo

Do site Comunique-se:

A Secretaria de Segurança Pública do Ceará determinou, nesta quarta-feira (23/09), a exoneração de três delegados da Polícia Civil por causa da exposição de presos para a imprensa. A medida foi tomada após a Ordem dos Advogados do Brasil recomendar ações que garantissem o direito de imagem dos detidos.

É bom que os nossos delegados de plantão - principalmente o amigão Boa Morte, recém-chegado aqui - não caiam nesta "pegadinha" das TVs locais.
Pode ser uma "fria"...

Remorso?

Fontes não autorizadas comunicam que o prefeito Roselito Soares da Silva abandonou a idéia de extinguir a Secretaria de Agricultura.
No entanto, nenhum anúncio de que haverá um incremento nas atividades da secretaria foi feito.
Resultado: fica moribunda "sine die".

Unidades de Conservação

O ICMBio disponibiliza um mapa com as 304 unidades de conservação.
O link é: http://www.icmbio.gov.br/ChicoMendes/Download/uc_federal_icmbio.pdf

Uma boa fonte de informação sobre as UCs.

Vagas no IPT

Do portal da Agência FAPESP:

O Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT) iniciou o processo de seleção de 113 estagiários de cursos superiores, de educação profissional e de ensino médio para o Programa IPT Novos Talentos.
O objetivo é criar oportunidades para estudantes de diversas áreas terem contato com situações reais. Os estágios serão realizados na sede do IPT, localizada no campus da Cidade Universitária em São Paulo, e na filial em Franca.
Segundo o instituto, no ato da contratação os candidatos devem estar matriculados do segundo ao quinto ano de seus cursos. As jornadas de trabalho serão definidas de acordo com a carga horária disponível do candidato, o nível e ano de curso, variando de 40 a 120 horas mensais.
O formulário para inscrição das vagas de estágio deverá ser preenchido no site do IPT. Todas as informações sobre o processo seletivo podem ser encontradas no Edital nº 01/2009 e no Aditivo de Abertura de Vagas nº 01/2009, que estão disponíveis no endereço www.ipt.br/trabalhe.

Bois Piratas e a Flona Jamanxim

Representantes do Governo Federal e do município de Novo Progresso/PA estiveram reunidos hoje na sede do Ibama, em Brasília, para discutir a Operação Boi Pirata II, em curso na região paraense, e a redefinição de limites da Floresta Nacional do Jamanxim. Os servidores do Governo Federal ouviram as diversas críticas apresentadas pelos parlamentares e representantes de produtores e moradores sobre a condução da fiscalização e do processo de alteração dos limites da unidade de conservação. O diretor de Proteção Ambiental do Ibama, Luciano Evaristo, deixou claro que a operação continua. “O órgão está lá para deter o desmatamento, que explodiu em Novo Progresso. As bolas vermelhas do Sistema de Detecção em Tempo Real do desmatamento levaram a fiscalização para lá”, avisa.
Compareceram também à reunião o assessor da Casa Civil, Johannes Eck, o coordenador geral do Mutirão Terra Legal, Carlos Guedes, os assessores do Ministério do Meio Ambiente José Maurício Padrone e Luiz Antônio Carvalho, o diretor de Uso Sustentável e Populações Tradicionais do Instituto Chico Mendes, Paulo Maier, a prefeita de Novo Progresso, Madalena Hoffmann, representantes da Câmara Municipal e deputados federais do Pará, além de representantes de associações da Floresta Nacional – Flona do Jamanxim e Sindicato dos Produtores Rurais.
Uma das principais reclamações sobre a Boi Pirata II é o prazo dado para a retirada dos rebanhos de áreas embargadas e de unidades de conservação, considerado insuficiente. Outra queixa é que na região não há pastos para arrendar nessa época do ano, o que dificulta a saída do gado das áreas. “Todos têm o direito de pedir mais prazo, mas isso será analisado caso a caso pelo órgão”, sentenciou o diretor. Quanto a denúncias de excessos por parte das equipes, Evaristo afirmou que as mesmas devem ser formalizadas para serem apuradas. “Comprovada conduta inadequada, isso resultará na punição dos envolvidos”.
Além disso, os representantes de Novo Progresso também protestaram contra as autuações de áreas desmatadas antes de 2007, alegando que havia um acordo pelo qual seriam autuados apenas desmatamentos posteriores a esse ano. “A prioridade são os desmatamentos recentes, mas, se o cidadão tinha um desmatamento antigo não autado e continua desmatando de 2007 pra cá, ele tem que ser autuado e ter as atividades embargadas em toda a área.”, afirmou o diretor de Proteção Ambiental. Segundo Evaristo, dos 110 autos de infração aplicados pela operação até o momento, apenas 29 se referem a desmatamentos realizados antes de 2007.
O diretor de Proteção Ambiental explicou que a Operação Boi Pirata II não objetiva apreender gado, mas brecar o desmatamento na localidade, e convocou o governo do município a colaborar na redução dos desmatamentos e queimadas. “Quando o desmatamento for zero na região de Novo Progresso, a fiscalização será remanejada para áreas mais críticas”, concluiu Luciano.
Arco Verde/Terra Legal e Flona do Jamanxim
O assessor da Casa Civil da Presidência, Johannes Eck, afirmou que desde 2005 vêm sendo tomadas providências para buscar o desenvolvimento sustentável na região. Entre as medidas, a criação de novas unidades de conservação, a criação do Distrito Florestal Sustentável da BR 163, a pavimentação da rodovia que liga Cuiabá/MT a Santarém/PA e o Mutirão Arco Verde/Terra Legal, que visa apoiar iniciativas sustentáveis na economia local e a regularização ambiental e fundiária da região. “É preciso que haja o diálogo. O que for combinado precisa do compromisso dos governos federal, estadual, municipal e dos parlamentares, pois cada um tem que fazer a sua parte. O Governo quer o desenvolvimento sustentável da região”, afirmou Johannes.
Carlos Guedes, coordenador do Mutirão Terra Legal, afirmou que, dentro dessa perspectiva, Novo Progresso será o local por onde começará a regularização fundiária na Amazônia, até mesmo pela complexidade da situação na região. O mutirão no município está previsto para ocorrer nos dias 8, 9 e 10 de outubro, e mais de 300 documentos definitivos de posse da terra deverão ser emitidos. “É preciso estabelecer uma agenda de futuro com o município. Isso inclui a permanência do Governo Federal na região. A regularização fundiária é um passo importante, pois dará acesso a benefícios, como crédito agrícola, e, por outro lado, reduzirá a pressão sobre os recursos naturais na região” afirmou.
Diante da ameaça de um vereador de boicote ao Mutirão Arco Verde/Terra Legal em Novo Progresso, o assessor do Ministério do Meio Ambiente, Luiz Antonio Carvalho, afirmou que “esse é um momento para desarmar os espíritos e buscar as soluções para os problemas da região, que passam pela regularização fundiária que está sendo estudada pelo Governo Federal.”
Quanto à revisão dos limites da Flona do Jamanxim, o diretor do ICMBio, Paulo Maier, afirmou que será apresentada uma proposta de redefinição durante o Mutirão Arco Verde/Terra Legal, em Castelo dos Sonhos, no próximo dia 2, e em Novo Progresso, no dia 3 de outubro. A mudança dos limites, contudo, depende do Congresso Nacional.
Com as reclamações por participação nas propostas, o diretor afirmou que colaborações serão anotadas quando da exposição da proposta às comunidades. “As unidades de conservação na região são de uso sustentável e possibilitam a produção por comunidades tradicionais. Na Flona Jamanxim, foram firmados compromissos, mas uma das associações não encaminhou a documentação necessária e paralisou a elaboração de um Termo de Ajustamento de Conduta – TAC”, informou Maier.
O diretor se comprometeu a, além de levar a proposta de revisão de limites para conhecimento e complementações em reuniões em Castelo de Sonhos e Novo Progresso, a encaminhar também a proposta do TAC. Maier aproveitou para destacar a importância de compor um Conselho Consultivo para a Flona Jamanxim. “É o local adequado para se discutir a gestão da unidade de conservação, sendo aberto à participação de todos. A vinda das pessoas a Brasília para discutir esses problemas se tornaria desnecessária”, exemplificou. Maier também adiantou que, caso as propostas sejam bem aceitas, acredita que até o final do ano o ICMBio tenha condições de ter o Plano de Manejo da Unidade elaborado.
Ascom Ibama

23 de setembro de 2009

PEC 58. A dos Vereadores

Do Congresso em Foco:

A PEC dos Vereadores acaba de ser promulgada em sessão conjunta do Congresso Nacional. Em linhas gerais, a Emenda Constitucional 58 amplia em quase 8 mil o número de vagas de vereadores.
Também altera a proporcionalidade de vereadores em relação à quantidade de habitantes em cada município. Assim, os menores municípios (até 15 mil habitantes) terão nove e os maiores (até 8 milhões), no máximo 55 vereadores.
Em outro ponto, a proposta reduz gastos com as câmaras municipais ao fixar faixas percentuais de despesas com essas casas legislativas. Para tanto, serão observadas a população do município e a arrecadação total no ano anterior.
Dessa forma, fica estabelecido que serão gastos com as câmaras: 7% da receita líquida para municípios com população de até 100 mil habitantes; 6% para 101 mil até 300 mil habitantes; 5% para aqueles com 301 mil até 500 mil habitantes; 4% para municípios com mais de 501 mil até 2 milhões de habitantes; 3% para 2.001 milhões até 8 milhões de habitantes; e 2% para cidades com mais de 8 milhões de habitantes.

Falecimento

A genitora do amigo e companheiro de PMDB, Eduardo Azevedo, ex-prefeito de Jacareacanga faleceu nesta manhã, em Santarém.

Dona Lourdes também é a genitora do médico Edivaldo Azevedo, que durante longos anos trabalhou na saúde de jacareacanga.

As condolências do blogger e família à família enlutada.
Do Blog da Terra:

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) pretende remunerar os catadores de materiais recicláveis por realização de serviços ambientais urbanos.
O anúncio foi feito hoje durante o 8º Festival Lixo e Cidadania, em Belo Horizonte (MG).Na ocasião o ministro Carlos Minc afirmou que o MMA irá estabelecer uma parceria com o Ipea para definir um valor justo para remuneração dos catadores.
A reciclagem é fundamental para evitar a poluição de águas e solo e também um dos mais eficazes meios de se economizar energia elétrica. Como lembrou o ministro, o material recilável “é matéria-prima fora do lugar”.

Oba-oba

Ao menos quatros grandes grupos industriais montaram comitês internos para estudar a participação no leilão da usina hidrelétrica de Belo Monte, no Pará.  A obra terá custo estimado em R$ 20 bilhões e demorará dez anos para ficar pronta.  A responsabilidade pelo projeto é da Eletrobrás.  Entre os grupos citados estão a Vale do Rio Doce, a Votorantim, a Alcoa e a CSN (Companhia Siderúrgica Nacional).  
As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Explicação Desnecessária

O prefeito Roselito Soares da Silva, usando o mais moderno sistema de comunicação existente utilizou os canais de Tv locais e tentou explicar o que e porque quer fazer a revolução administrativa que está propondo.

Acredito piamente que o prefeito não acredita no que disse.

Falou em queda de renda via os repasses federais, mas não tocou no ponto das receitas próprias.
Falou em melhoria de vida para os itaitubenses, através de obras dos governos federal e estadual,  mas não nos disse se haverão algumas obras com investimento próprio.

Todos sabemos que a folha de pagamento municipal está inchadíssima. Quase putrefada.
Mas o prefeito não nos disse se vai mandar embora uma parte numerosa de seus aspones (assessores de porra nenhuma), que moram em municípios vizinhos (de Santarém pra frente).
Alguns estudando com as benesses governamentais e outros tantos passeando. Alguns estão sendo beneficiados com salários nababescos.

Existem secretarias que merecem ser extintas. Caso da Indústria, Comércio e Turismo. Ou Cultura e Desporto. E como readequar os integrantes destas secretarias, se eles fazem parte da mesa de negociação? Muitos vão dizer que "nem querem saber quem matou o boi; eles querem a carne na panela".

Então, pra que a converse nem se alongue: esqueça esta motivação de reforma administrativa e parta pra degola. Como disse o contador da prefeitura: "Com anestesia ou sem ela, a prefeitura vai ter que cortar na carne".
Vai doer um pouco, mas vai curar os males que um tumor maligno causa aos outros membros deste corpo decrépito e lutador.

Pronto.
Simples assim.
O resto é blá...blá..blá.

22 de setembro de 2009

Bola Dividida

O título deste post poderia ser "Mineração Dividida" também.

De um lado o governo querendo mudar todos os regulamentos e normas que regem o modelo - O novo marco regulatório deverá substituir legalmente um outro já obsoleto, que privilegia aventureiros, em detrimento das empresas. Não queremos acabar com a livre iniciativa” - da mineração brasileira.

De outro lado, os empresários se colocando em lado oposto - "Como chamar o código de mineração de arcaico, de carcomido, se ele ainda não foi colocado em prática integralmente?", criticou Paulo Camillo Penna, presidente do Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram). - e apostando que este marco regulatório atual é o melhor para o país e não para o xeque que o governo quer aplicar, com aumento de royalties e tributos na mineração.

Afinal, como o ministro pode dizer que se utiliza das regras minerais para enriquecer com os minérios que ocorrem no sub-solo brasileiro?
E como pode pensar em deixar o poder decisório nas mãos de quem não tem habilidade ou competencia técnica para dar à Vale ou ao Joel a concessão de lavra, senão através do poder monetário?

Congresso cria mais 7,7 mil vagas de vereadores

Do Blog do Noblat:

A Câmara acaba de aprovar, em segundo turno, por 380 votos a 29, com duas abstenções, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que cria cerca de 7,7 mil vagas de vereadores no país.
A expectativa é que a partir da promulgação da PEC, que deve ocorrer ainda esta semana, suplentes de vereadores ingressem com pedidos para assumir o cargo junto às Câmaras municipais e à Justiça.
Apesar da vitória – comemorada por dezenas de suplentes que estavam na galeria da Câmara - é pequena a chance deles ganharem mandatos.
O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, e o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ayres Britto, adiantaram que os novos vereadores não devem assumir antes de novas eleições.
Além do aumento do número de cadeiras, que passa das cerca de 51,7 mil para algo em torno de 59,7 mil, a PEC também fixa um teto de gastos para as Câmaras municipais.
Os percentuais constitucionais de repasse das prefeituras às Câmaras, que hoje variam de 5% a 8%, passam a variar de 3,5% a 7%, dependendo da arrecadação do município. Quanto maior, menor o percentual a ser gasto.
Segundo o deputado Faria de Sá (PTB-SP), relator da proposta, a economia com os novo tetos vai ser de R$ 1,4 bilhão.

Notícia de saúde pública!

Do Blog do Piteira:


Atenção, consumidores de água mineral em garrafões de 10 e 20 litros!
Notícia de saúde pública!

O Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) publicou portaria (nº 358/2009) que proibe, a partir de 30 de setembro deste ano, o envase ou reenvase de água mineral e potável em embalagens plásticas (os garrafões) retornáveis de 10 e 20 litros com data de fabricação anterior a 1º de janeiro de 2004.

A mesma portaria determina que o envase ou o reenvase de água mineral e potável de mesa nas mesmas embalagens plásticas e adquiridas até 23 de setembro de 2009 serão admitidos até as seguintes datas:

I – 30 de novembro de 2009, em se tratando de vasilhames com fabricação em 2004;

II – 30 de janeiro de 2010, em se tratando de vasilhames com fabricação em 2005;

III – 30 de abril de 2010, em se tratando de vasilhames com fabricação em 2006; e

IV – 30 de junho de 2010, em se tratando de vasilhames com fabricação entre 1º de janeiro e 30 de junho de 2007.

A Floresta em Pé

Do Amazônia Selvagem:

O governo brasileiro estuda uma forma de incluir o REDD (Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação Florestal) no mercado de carbono. Duas ideias estão em fase de elaboração e deverão ser divulgadas no dia 14 de outubro, quando o governo anunciará a proposta a ser levada a Copenhague, segundo o ministro Carlos Minc. Na primeira, o país apresentaria a queda na elevação das emissões de CO2 e demonstraria que uma redução ainda maior poderia ser alcançada se os ricos ajudassem.
A "ajuda" seria na forma de financiamentos de projetos de redução do desmatamento, manejo florestal e de conservação da floresta em pé. A segunda, é sugerir aos ricos que apresentem metas adicionais de redução de CO2 a serem atingidas a partir do mecanismo de REDD, mas para que o Brasil consiga emitir certificados de redução de emissões, precisaria assegurar que não há emissões por desmatamento em todo o território nacional. (O Globo).

Do Portal Buré

O Portal Buré está mostrando o que acontece às proximidades de Jacareacanga, pelos pseudos agricultores.

Jacareacanga: Queimadas!



Fotos das queimadas que são realizadas diariamente as proximidades da cidade de Jacareacanga.
Alô IBAMA!

Irresponsabilidade?

Estamos sendo surpreendidos pela notícia de que o prefeito Roselito Soares da Silva enviará uma projeto de extinção de secretarias.
A estupefação foi grande quando se soube que uma das atingidas seria a Secretaria de Agricultura, que vai se tornar uma Diretoria dentro da Infraestrutura.
Mais um apêndice inútil dentro de uma secretaria sem a devida competencia estrutural que estará fadada ao fracasso.

Talvez o alacaide esteja se guiando pelo exemplo, nada recomendável, do prefeito de Nova Déli, digo Belém, que tudo faz para que a cidade seja um caos maior ainda. Lá, a saúde é precária; a agricultura é inexistente; o tráfego é caótico, mas as assessorias estão recheadas de gente sem ocupação. Mais ou menos como o atual alcaide quer fazer, com a prerrogativa de que aqui as assessorias são "imexíveis".

Extinguir uma secretária é fácil e pode ser necessário. Mas não essa!
A agricultura sempre foi um calo por aqui, mas o ex-prefeito Edilson Botelho viu, bem longe, que havia uma necessidade muito grande em promover a produção nas terras agriculturáveis para levar os alimentos à mesa dos itaitubenses, que na época pagavam caro por tomates, alface, cheiro-verde e outras verduras e legumes que vinham de outras paragens. Mas os governos seguintes destruiram a organização administrativa que havia sido estabelecida por Botelho.
A Fazenda Modelo, que havia sido programada como pólo de mudas e que foi transformada em acampamento de sem casas. A agricultura estava indo pro buraco.
Alguns abnegados ainda continuam produzindo legumes e hortaliças, mas nenhum deles é escutado na hora do fomento ou na trasformação. Que o diga o Armando Miqueiro, que "teima" com sua granja há anos a fio...

Para que o prefeito (ou seus assessores) e secretariado não se queixe de que somente emitimos as críticas e nenhuma sugestão vou repetir aqui o que já escrevi antes: a secretaria a ser transformada deveria ser a parte que toca na mineração, na SEMMA atual. Existem vários motivos para isso e uma delas é relevante: a mineração é uma atividade degradadora e o meio ambiente é reparador. A mineração é permissível somente pelo governo federal; governos estaduais e municipais não tocam nenhuma sirene na permissão de pesquisa ou lavra, por força do dispositivo constitucional vigente. Neste caso, o governo municipal deveria desmembrar a mineração do meio ambiente (tirar a raposa de perto das galinhas) e transformá-la numa AGENCIA DE FOMENTO MINERAL, com técnicos capacitados nas áreas economica e mineral para propor ações de incremento na área. Aí sim poderemos pensar num desenvolvimento para a mineração artesanal nesta região. Enquanto está marcando passo não iremos a lugar nenhum, principalmente com o avanço da legislação ambiental e o devagar-quase-parando da congênere mineral.

Mas isso é sonhar demais um governo que só se preocupa com os votos possíveis e nadica com o desenvolvimento municipal.
Apesar de tudo, sonhar é possível e não paga imposto.

A Negociação

"Se tiver que negociar alguma coisa vou procurar o dono dos bois, não seu gerente".

Assim se referiu o prefeito Roselito sobre a pretensa ida da primeira-dama ao PMDB, matando a possibilidade de negociação com o presidente local do partido.

No entanto, o interessado está contando vantagem demais, pois sabe que nem é tanto ao céu que se fazem as devidas preces, mas através dos "santos".
E neste caso, ninguém acredita que o dono dos bois vá escutar tal pedido. Principalmente enquanto houver a possibilidade da cassação rondando seu curralzinho.

Inferno ou Desleixo?

Do Blog do Jeso:

Na pauta da sessão desta terça-feira (22) do TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) do Pará, o julgamento da prestação de contas de 2002 do ex-prefeito de Itaituba Benigno Reges.
Em 2006, essas contas, submetidas ao plenário da Corte, foram reprovadas.
O médico, então, entrou com recurso de revisão da decisão. Devidamente acatado.
Agora, as contas de 2002 serão novamente julgadas. Contas públicas, aliás, nunca foram o forte do ex-gestor itaitubense. As de 2004, por exemplo, por podres de irreguaridades, foram reprovadas, e Benigno condenado a devolver mais de R$ 17 milhões aos cofres públicos.
Vice-prefeito, em 2002 (no mês de agosto) foi quando o médico assumiu a Prefeitura de Itaituba, devido o falecimento de Wirlande Freire, o titular do cargo.

Que inferno vive o ex-prefeito.
Tudo o que se possa culpar numa má adminisração.

Na mesa das negociações

Do Portal Buré:

O madereiro Luis Carlos Tremonte oficializou no ultimo final de semana o seu ingresso no Partido Social Liberal-PSL, onde pretende disputar a eleição de 2010 ao governo do estado. Tremonte garante apoio de outros partidos, inclusive o PRB.
Negócios à vista?

21 de setembro de 2009

Retrocesso

Do Diário do Pará on line:

O ministro das Minas e Energia, Edison Lobão afirmou hoje, após a solenidade de abertura do 13º Congresso Brasileiro de Mineração, que o novo Código de Mineração irá estabelecer que os alvarás de pesquisa para a exploração mineral só serão concedidos para pessoas jurídicas. "A partir da nova lei iremos estabelecer que somente pessoas jurídicas e com capacidade comprovada, inclusive financeira, poderão se habilitar aos alvarás", disse ele.

 Esta idéia do ministro é, no mínimo, um retrocesso.
Porque só pessoas jurídicas? Por acaso as pessoas físicas não tem capacidade organizacional e financeira para pesquisar minério?
Vá catar coquinhos no Maranhão!

Navega Pará

Alguém poderia informar onde se escondeu ou quem sequestrou o Navega Pará aqui em Itaituba?
Os órgãos públicos estão sem poder "trabalhar" sem ele...

Explicação

Depois da explicação elucidativa do Afábio Borges sobre a mudança na água da sonda como  explicará porque só suas máquinas fazem o trabalho de terraplanagem para a prefeitura de Itaituba?

Copa 2014: Manaus ameaçada de perder sede

Do Blog de José Cruz:


O projeto de Manaus para construir o estádio que receberá os jogos da Copa do Mundo de 2014 “está mal”, na avaliação de uma autoridade do governo que participa das reuniões com o BNDES, em Brasília, sobre o financiamento das obras.
         “Mal” quer dizer: nem o projeto está definido o que atrasará o cronograma, já apertadíssimo. Assim, a capital amazonense corre o risco de ser descartada pela Fifa como uma das 12 sedes do Mundial de 2014. Há poucos dias voltaram os comentários de que a Fifa insistirá em ter apenas 10 sedes.
A confirmação das sedes ocorrerá em dezembro de 2010, na reunião do Comitê Executivo da Fifa. Na ocasião, também será decidido sobre as sedes de abertura e encerramento do Mundial.

Mas não pensem os desavisados ou a mulher do acaju que Belém será re-escolhida como sede. A tendência é reduzir para somente 10 sedes. E qual seria a outra expurgada do banquete?
Joguem suas cartas...
 

Quanto Foi Gasto Inutilmente?

De Miritituba ao Campo Verde - o famoso 30 - já foi gasto uma fábula de dinheiro e nada sai do lugar.
Aliás, o que este trecho mais produziu foram acidentes com veículos diversos. Alguns com a fatalidade.

Então queremos saber quanto já foi empenhado para que este trecho seja asfaltado. Você sabe?

Desde 1999, quando um comboio veio carregado de grãos desde o Mato Grosso para fazer um embarque nos portos de Miritituba que está sendo pleiteado, com mais enfâse, o asfaltamento desta pequena porção da BR-230.

E até hoje, quanto já foi dispendido e nada feito?

21 de Setembro

Hoje é comemorado o Dia da Árvore.

Entre os madeireiros a pergunta é: "Você já derrubou sua árvore hoje?"

Entre os ambientalistas a afirmação seria: "Vamos plantar uma árvore em cada esquina do Brasil".

A governadora vai plantar um pé de acaju!

Quem não for plantar árvores, nem derrubar outra poderá colocar uma em seu PC/Note book clicando aqui.

Quem tem Terrenos?

A alta demanda por moradias na Região Metropolitana de Belém e em mais 30 municípios paraenses vai provocar uma chamada geral para que a COHAB se esforce em adquirir terrenos para a construção de casas populares.
Entre os municípios alcançados pela medida está Itaituba.

20 de setembro de 2009

Debandada

Na sexta-feira à noite correu a notícia de que a primeira-dama, Margarete Silva já teria assinado a ficha de filiação no PMDB.
No sábado, a filiação foi desmentida pelo próprio presidente do PMDB local, em conversa com filiados e simpatizantes.
A ausência da cidade do candidato e interessado Valmir Climaco e a falha na negociação de uma secretaria poderosa (falam na Saúde) está brecando o interesse ou desinteresse no assunto polêmico.

Mas, nunca se deve esquecer da máxima popular: "Onde há fumaça há fogo".
E onde tem negócio tem dinheiro.

Sujeira

Um empresário (sic) que atua no ramo de venda de combustíveis colocou na rua uma equipe para descobrir quem dos seus concorrentes não tem a Licença Ambiental.
O "dedo-duro" quer saber porque não autuaram os postos que não tem a LO (Licença de Operação).
Seus concorrentes garantem, em represália, que vão enviar as notas de débitos dele para quitação, antes de mais nada.
O "cujo" não gosta de concorrência?

19 de setembro de 2009

Apagão

Do Blog do Jeso:

 A gente não sabia, mas vai acontecer:

Em 10 municípios do oeste do Pará vai faltar energia no próximo domingo.
A interrupção do serviço ocorrerá por causa da Eletronorte, que programou o desligamento, para substituição e manutenção, na subestação de Tucuruí.
Em nota, a Celpa, concessionária responsável pela distribuição da energia elétrica no Pará, informa que o apagão atingirá os municípios de Anapu, Senador José Porfírio, Vitória do Xingu, Altamira, Brasil Novo, Medicilândia, Uruará, Placas, Rurópolis, Trairão, Itaituba e Aveiro.

 Então, até segunda. Se a net permitir.

A HISTÓRIA DO RATO



Certo dia, um homem entrou numa loja de antigüidades e se deparou com uma belíssima estátua de um rato, em tamanho natural. Bestificado com a beleza da obra de arte, ele correu ao balcão e perguntou o preço ao vendedor:
- Quanto custa?
- A peça custa R$ 50 e a história do rato custa R$ 1000.
- O quê? Você ficou maluco? Vou levar só a obra de arte.

Feliz e contente, o homem saiu da loja com sua estátua debaixo do braço. A medida que ia andando, percebeu mortificado que inúmeros ratos saiam das lixeiras e bocas de lobo na rua e começaram a segui-lo. Correndo desesperado, o homem foi até o cais do porto e atirou a peça com toda a sua força para o meio do oceano. Incrédulo, viu toda aquela horda de ratazanas se jogarem atrás e morrerem afogadas. Ainda sem forças, o homem voltou para o antiquário e o vendedor disse:
- Veio comprar a história , não foi?
- Não, eu quero saber se você tem uma estátua do LULA...



Traição

Um post e reportagem em "O Impacto" mostram o que aconteceu com um "ricardão", em Marabá.

As fotos são revoltantes.
O resto você decide.

Pagamentos

Você já conheceu alguém que briga com o cobrador, se aborrece com a cobrança e fica feliz porque o cobrador nunca mais volta lá?

Então se lembre do presidente "Passa sábado"! O cara que vende tudo. Até companheiros de partido.

A máxima " contas velhas eu não pago e as novas deixo envelhecer" é a sua conselheira diuturna.
Coitado de mim?
E os outros?

Que Dia é Hoje?

Poucos lembram que se comemora nesta data, mas é sempre bom relembrar: Aniversário da Gabi, minha linda sobrinha e afilhada!

17 de setembro de 2009

O Fim da Flonas Jamanxim e Bom Futuro?

Dois projetos legislativos que pretendem acabar com as Florestas Nacionais (Flona) do Jamanxim (PA) e do Bom Futuro (RO) tiveram parecer favorável de seus relatores na Câmara dos Deputados.  A informação é do portal de notícias O Eco.

O Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 1148/2008, de autoria do deputado Zequinha Marinho (PMDB-PA), susta os efeitos do decreto presidencial que criou a Flona Jamanxim, unidade de conservação que fica no entrono da BR-163, no município de Novo Progresso (PA).  Segundo a justificativa do PDC, a Flona imobilizou economicamente uma das regiões mais ricas da Amazônia, e foi criada sem conhecimento ou estudo prévio.  O projeto recebeu parecer favorável do deputado Zonta (PP-SC).

Já o PDC 1617/2009, de autoria do deputado Ernandes Amorim (PTB-RO), susta o decreto presidencial que criou a Flona Bom Futuro, no estado de Rondônia.  Segundo o projeto, a Flona foi criada sem que o governo desse condições para o funcionamento da mesma, e isso acabou acarretando "o estabelecimento de um verdadeiro caos social na região".  O projeto recebeu parecer favorável do deputado Moreira Mendes (PPS-RO).
Não é a primeira mudança envolvendo Bom Futuro.  Em maio deste ano, um acordo feito pelo governador de Rondônia Ivo Cassol e o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, permitiu que a Flona passasse à administração estadual.  O acordo é considerado irregular por especialistas em Direito Ambiental.

Fonte: Amazônia

Ainda a Fonte da Sonda

Muitos já estão cansados desta novela, mas é sempre bom retornar ao temo, pois a "coisa" está ficando folclórica.
Um convite inusitado do secretário de Infraestrutura para membros da Comissão de acompanhamento das obras da orla se fazerem presentes para assistir o bombeamento da água sulfurosa causou constrangimento generalizado.

O repórter Aldo Arraes abriu o verbo, disse que nasceu e cresceu em Itaituba e aquela água bombeada não tinha cheiro nem gosto da água da Sonda.
Aí o secretário vei explicar: "Pessoal, esta água tem gosto e cheiro diferente porque o poço está todo encamisado".

Tem gente contanto até agora ...10...9...8...7...6...5...4...3...2...1, pra não explodir com a cara de pau deste secretário, ao dizer isso.

E a grana que foi enviada pelo estado? Já foi todinha estourada nesta bela enrascada?

ELOGIOS

Na última sessão da Câmara Municipal de Itaituba, o vereador João Crente, após cobrar providências urgentes do prefedito municipal e da secretaria de Infraestrutura para minimizar o estado das ruas da cidade e das estradas vicinais, sentiu-se à vontade para afirmar que o último prefeito que construiu alguma coisa neste município foi Edilson Botelho.
E os da situação e/ou oposição calados estavam, calados ficaram.

As 10 maiores dúvidas sobra a cerveja



1. A CERVEJA MATA?
Sim. Sobretudo se a pessoa for atingida por uma caixa de cerveja com garrafas cheias. Anos atrás, um rapaz, ao passar pela rua, foi atingido por uma caixa de cerveja que caiu de um caminhão levando-o a morte instantânea. Além disso, casos de infarto do miocárdio em idosos teriam sido associados as propagandas de cervejas com modelos boazudas.
 
2. O USO CONTINUO DO ALCOOL PODE LEVAR AO USO DE DROGAS MAIS PESADAS?

Não. O álcool é a mais pesada das drogas: uma garrafa de cerveja pesa cerca de 900 gramas
 
3. CERVEJA CAUSA DEPENDÊNCIA PSICOLÓGICA?

Não. 89,7% dos psicólogos e psicanalistas entrevistados preferem uísque.
 
4. MULHERES GRÁVIDAS PODEM BEBER SEM RISCO?

Sim. Está provado que nas blitz a polícia nunca pede o teste do bafômetro pras gestantes. E se elas tiverem que fazer o teste de andar em linha reta, sempre podem atribuir o desequilíbrio ao peso da barriga.
 
5. CERVEJA PODE DIMINUIR OS REFLEXOS DOS MOTORISTAS?

Não. Uma experiência foi feita com mais de 500 motoristas: foi dada uma caixa de cerveja para cada um beber e, em seguida, foram colocados um por um diante do espelho. Em nenhum dos casos, os reflexos foram alterados.
 
6. A BEBIDA ENVELHECE?

Sim. A bebida envelhece muito rápido. Para se ter uma idéia, se você deixar uma garrafa ou lata de cerveja aberta ela perderá o seu sabor em aproximadamente quinze minutos.
 
7. A CERVEJA ATRAPALHA NO RENDIMENTO ESCOLAR?

Não, pelo contrário. Alguns donos de faculdade estão aumentando suas rendas com a venda de cerveja nas cantinas e bares na esquina.
 
8. O QUE FAZ COM QUE A BEBIDA CHEGUE AOS ADOLESCENTES?

Inúmeras pesquisas vinham sendo feitas por laboratórios de renome e todas indicam, em primeiríssimo lugar, o garçom.
 
9. CERVEJA ENGORDA?

Não. Quem engorda é você.
 
10. A CERVEJA CAUSA DIMINUIÇÃO DA MEMÓRIA?

Que eu me lembre, não.


Coma Mais Peixes

Comer peixe é saudável, e pouca gente questiona esse fato. Mas quando se pergunta por que, poucos têm resposta pronta, baseada em constatações científicas. Mas elas existem, e mostram o alto valor nutritivo da carne de peixe. E esse valor está presente tanto nos peixes da água doce quanto nas espécies marinhas.
No Amazonas, estado brasileiro onde há o maior consumo de pescado por pessoa no país, estudo demonstra que a carne de diversos peixes da região possui elevados níveis de proteína, sais minerais e ácidos graxos para uma dieta saudável e balanceada.
As espécies estudadas foram pacu, jaraqui, branquinha, curimatã, pirapitinga, aracú e mapará. O amazonense consome cerca de 35 quilos de peixe por ano, enquanto a média nacional está entre 7 e 8 quilos. Os dados são do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA), que em setembro promove em todo o país a Semana do Peixe, iniciativa para incentivar o consumo de pescado entre os brasileiros.
O estudo ‘Caracterização Nutricional de Peixes da Amazônia’, realizado pelo pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), Rogério de Jesus, traçou o perfil nutricional das espécies através da sua composição química básica, minerais, ácidos graxos e aminoácidos. 
O artigo foi publicado em 2007 na revista Infopesca Internacional, de Montevidéu, Uruguai.

Fonte: EcoDebate

16 de setembro de 2009

Código Ambiental Próprio

A partir de agora, o Oiapoque passa a realizar os procedimentos de licenciamento, fiscalização e monitoramento ambiental, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam).
A prefeitura do município atendeu a todos os procedimentos necessários para que pudesse exercer as atividades de licenciamento, fiscalização e monitoramento ambiental, estabelecidos pela Sema/Coema.
O processo de municipalização de normas ambientais teve inicio no II Fórum de Prefeitos realizado no município de Tartarugalzinho (AP), onde o Governador do Amapá, Waldez Góes, lançou o Programa Estadual de Gestão Ambiental Municipal (Progam), obtendo a adesão de dezesseis prefeitos municipais.
Na ocasião do lançamento do Código Ambiental municipal, realizado na última sexta-feira, também foram apresentados o Programa de Educação Ambiental, o Guia para Licenciamento e o Guia de Fiscalização Ambiental Municipal.

Fonte: Amazônia

Sistema de Drenagem em Jacareacanga

Do Estado do Tapajós on line:

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional (Sedurb) divulgou o nome da empresa vencedora da licitação nº 008 de 2009. A empresa C.C.M Construtora Centro Minas Ltda. será contratada para a execução de obras e serviços de implantação do sistema de drenagem de águas pluviais para controle de malária no município de Jacareacanga.
A ação faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento - PAC/Funasa. O valor total da proposta da empresa é de R$ 2.678.134,52.
Informação publicada no Diário Oficial do Estado nesta quarta-feira, 16.

Recursos Hídricos

O Programa Nacional de Águas Subterrâneas (PNAS) foi lançado nesta terça-feira (15) pela Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano (SRHU), na abertura do I Congresso Internacional de Meio Ambiente Subterrâneo, em São Paulo, no Centro Fecomércio de Eventos.
O programa tem o objetivo de ampliar os conhecimentos técnicos básicos, desenvolver a base legal e institucional para a correta gestão das águas subterrâneas.
De acordo com João Bosco, o programa, que é o oitavo do Plano Nacional de Recursos Hídricos, estabelece a política para a água e orienta a política de água subterrânea.

Esta é uma matéria que não tem eco aqui em Itaituba.
Para a utilização de recursos hídricos de qyalquer fonte é necessária a Outorga feita pela Secretaria de Meio Ambiente. Devem seguir esta norma, principalmente os órgãos públicos.
A Fonte da Sonda - para alguns a esposa traída pela administração municipal - está sendo lesada em todos os sentidos: na fiscalização do CREA, nas palavras enganosas do secretário Afábio, nas ações da empresa contratada e na displicência do povo em não promover uma Ação Pública imediatamente.
Até quando?

Licenças

Um leitor do blog - que não quis se identificar, mas mostrou coerência na sua reclamação - alerta para o fato de que os matadouros de Itaituba podem estar sem nenhuma Licença efetiva para continuar abatendo e comercializando a carne bovina de todos os dias.
Alerta para as condições higiênicas que foram mostradas em reportagem locais e para o transporte até os açougues.

Neste caso seria de bom tom que o fiscal federal e o MP - sempre bem acompanhados dos holofotes das TV's - verificassem se existem condições as quais nós, os consumidores somos submetidos na compra da carne verde.

Ou será que eles não comem carne?

O PASSIVO DA PROVÍNCIA AURÍFERA DO TAPAJÓS

Este artigo foi escrito para o Jornal do Comércio e publicado em 14/09/2009:


A exploração aurífera no Vale do Tapajós já dura mais de 50 anos.
Neste longo tempo, varias fortunas foram formadas e outras tantas se esvaíram. Muitas daquelas que se acabaram foi pelo pensamento de que “o barranco deu 50 quilos de ouro” e nada mais. Quem tirava o ouro não se preocupava em saber o custo de exploração do metal. Caiam, literalmente, nas mãos de pessoas inescrupulosas que lhes tiravam de noite aquilo que haviam conseguido na labuta do dia a dia.
As que foram formadas se estabilizaram pela visão do empreendedor em aplicar em outro bem mais, digamos assim, realista. Assim, alguns compraram fazendas e aplicaram o dinheiro que sobrava nelas. Ou em imóveis longe daqui.
A exploração aurífera durante estes longos anos deixou um considerável passivo ambiental e social que traz conseqüências a todos os que vivem neste longo território. Não só aqui em Itaituba, mas nos municípios circunvizinhos, que também usufruíram das fortunas e desventuras aqui formadas.
O passivo ambiental está sendo mostrado, principalmente, pelos sedimentos em suspensão, que transformaram as cores das águas límpidas dos rios regionais em barrentas; nos focos de malária, formados por poças e lagoas abandonados; por uma quantidade incrível de mercúrio lançado na natureza; pela quantidade de óleos e graxos lançados nos rios, entre outros tantos malefícios.
O passivo social está concentrado, principalmente, na cidade de Itaituba, quando a maioria dos garimpeiros desiludidos veio se abrigar e tentar a sorte em outros ramos menos rentáveis, na periferia. Muitos se transformaram em invasores profissionais de terras particulares e públicas. Isto antes que uma leva de criminosos, sob a proteção de “poderosos” transformassem este lado em uma “terra da lei do pistoleiro”, que felizmente foi desarticulada.
Mesmo assim, ainda há uma intensa atividade garimpeira na região e não tem previsão de que ela vá se acabar. A não ser que os órgãos de fiscalização resolvam encarar o problema e promover um reordenamento no processo de garimpagem. Mas isso é outra conversa para a qual os garimpeiros têm que estar preparados: os órgãos responsáveis pelas licenças minerárias e ambientais se digladiam e não resolvem absolutamente nada.
A meu ver, somente uma intervenção pública poderá trazer um ordenamento mínero-ambiental na Província Aurífera do Tapajós, fazendo com que os mineradores artesanais (garimpeiros) possam continuar trabalhando se causar danos maiores ao meio ambiente (e sem que a atividade seja suspensa para “consertar” o passivo ambiental), além de afastar o típico investidor-predador e as empresas de mineração, que fazem pesados investimentos em pesquisa e aumentam a atividade comercial na região.
E para isso tem que intensificar esta união entre os comerciantes, os mineradores artesanais (garimpeiros), as empresas de mineração e os órgãos fiscalizadores da atividade. Cada um atuando com sinceridade e eficiência, além de não desiludir o outro.