Geologia e Ambiental

11 de novembro de 2010

Golpe?

Para atender a demanda de energia elétrica dos próximos 20 anos, o Brasil precisa dobrar a capacidade instalada do país, patamar que poderá ser atingido com os 180 mil megawatts (MW) gerados na Amazônia, mesmo considerando que 40% deste território estão em Unidades de Conservação e em terras indígenas.
“A hidrelétrica é e continua sendo a mais importante fonte de energia para o país e o maior potencial se concentra na Região Norte”, afirmou ontem o secretário de Planejamento e Desenvolvimento do Ministério de Minas e Energia (MME), Altino Ventura Filho, durante palestra no segundo dia do Congresso Brasileiro de Energia, no Rio.
O futuro potencial amazônico se concentra nas usinas a fio de água de Jirau (3,45 mil MW) e Santo Antonio (3,15 mil MW), em construção no Rio Madeira (RO), além da hidrelétrica de Belo Monte (11,2 mil MW), a ser erguida no Rio Xingu (PA).
Fonte: Informe News
Postar um comentário