11 de novembro de 2010

Limpeza

Todos os dias o Diário Oficial do Estado publica uma extensa relação de assessores exonerados pelo Governo que se finda.
Triste é saber que eram contratos para garantir o impossível (des)governo novamente.
Além da saída destes assessores, ainda temos que conviver com o imobilismo das secretarias devido a falta de verbas para cumprir suas funções públicas necessárias.

Atualmente só está em pleno vigor a caneta do "censor orçamentário" e a equipe de transição, que trabalham exaustivamente para produzir os resultados mais espetaculares possíveis.

Postar um comentário