Geologia e Ambiental

11 de novembro de 2010

Lá não é como Cá?

Enquanto existem uma associação e cooperativas que tentam de todas as formas trazer os garimpeiros para a regularização fiscal, mineral e ambiental, tais como a AMOT, SIMIOESPA E COOPEMVAT, assistimos a situação dos anos iniciais de garimpagem do Tapajós se converterem em realidade em outros países.

A jornalista Maria Emília Coelho traça aos leitores de O Eco Amazônia (e eu trago aqui) a realidade do garimpo em Madre de Dios, ao sul do Peru.
Ela descreve e mostra em fotos e vídeos o lamentável descaso garimpeiro com o meio ambiente neste país.
Parece a repetição do que ocorreu nos áuresos períodos garimpeiros no Tapajós: ouro, mulheres, boates, crianças, doenças...

Veja aqui uma amostra da desolação neste garimpo peruano:
Postar um comentário