30 de novembro de 2009

REMÉDIO PARA A "REGRA" DE MULHERES

As reuniões e demais procedimentos para o famoso e discutidíssimo MARCO REGULATÓRIO DA MINERAÇÃO está parecendo muito mais uma pesquisa de remédio para as "regras" das mulheres.

Quem descobre a "preciosidade" fica com o louvor. Os que não quiserem usar o medicamento ou forem contra sua impantação vão continuar sofrendo dores, enjôos e demais mal estares consequentes. Para cessar as regras normalmente tem que sofrer uma "gravidez", ter o filho e depois continuar as regras...

Quem devia ficar com os olhos bem abertos são as pessoas físicas - que vão ser impedidos de exercer o direito estabelecido pela Constituição/1988 - e algumas empresas pequenas, que estarão na contra-mão da Vale e suas irmãs.
Postar um comentário