Geologia e Ambiental

2 de julho de 2013

Mais notícias sobre o bloqueio da BR-163 em Trairão




As reivindicações dos manifestantes, que fecharam a BR-163 no Trairão são as seguintes:
 

Manifesto articulado de todo o oeste do Pará não político-partidário ou religioso por mais agilidade das ações governamentais. Nossa luta é, basicamente por:
  • ·         Regularização fundiária e ambiental;
  • ·         Afastamento das FLONAS – Florestas Nacionais;
  • ·   Mais agilidade nas ações dos GOVERNO FEDERAL , ESTADUAL  e MUNICIPAL nos quesitos; SEMA, TERRA LEGAL, INCRA, IBAMA E ICMBIO, DENIT,CELPA e PREFEITURA;
  • ·         Aceleração nos processos de Emancipação dos Distritos;
  • ·         ABAIXO A TRUCULÊNCIA DA FISCALIZAÇÃO DO IBAMA E DO ICMBIO;
  • ·         Devolução ou indenização dos equipamentos apreendidos ou queimados;
  • ·         Supressão Vegetal e Ourtoga d’água;
  • ·         Melhorias na Infraestruturas urbana;
  • ·         Diminuição da Reserva Legal;
  • ·         Revogação da assinatura do termo de ajuste de conduta;
  • ·         Praças ;
  • ·         Reforma e implementação do Hospital Municipal de Trairão;
  • ·         Contratação de profissionais na Área da Saúde, Médicos e Enfermeiros e etc ;
  • ·         Aparelho de Ultra sonografia;
  • ·         Implantação da Subprefeitura no Distrito de Caracol;
  • ·         Resposta do Ministério Publico das denuncias do Trairão;
  • ·         Relatório final do TCU do Município de Trairão;
  • ·         Cursos Profissionalizantes;
  • ·         CPI – As licitações a obras inacabadas;
  • ·         CPI – Dos impostos pagos CBMI e ARTELESTE.
 NÓS NÃO SOMOS BANDIDOS, SOMOS CIDADÃOS REINVIDICANDO O QUE É NOSSO DE DIREITO. 
GOVERNO FEDERAL
GOVERNO ESTADUAL
GOVERNO MUNICIPAL.
SÓ SOMOS VALORIZADOS NAS ÉPOCAS DE ELEIÇÕES ? CADE OS BENEFICIOS QUE VOCÊS PROMETERAM EM PALANQUE ?
OBS: LIBERADO PARA REPRODUÇÃO DESDE QUE CITADO A FONTE!

*******************************************************************
ATUALIZAÇÃO ÀS 11:53
Não há data para o fim dos protestos. 
Até que reivindicações sejam atendidas, só podem furar o bloqueio ambulâncias. Ônibus e outros meios de transporte coletivos não podem seguir viagem.
Informações de Valeria Ferreira que faz parte da diretoria do bloqueio.



Postar um comentário