Geologia e Ambiental

26 de abril de 2013

Estamos perdendo terreno e dinheiro...

As indefinições sobre as novas regras do setor de mineração mantêm suspensos desembolsos de R$ 20 bilhões na extração e no beneficiamento de produtos essenciais à economia, como minério de ferro e bauxita.
O congelamento de investimentos bilionários da indústria da mineração no Brasil é só uma das faces da maior crise institucional que o setor enfrenta em 317 anos de atividade.
Depois de perder para a Austrália o posto de maior exportador mundial de minério de ferro, o país viu sua participação no mercado global retroceder a 12,5% do volume da matéria-prima extraída no planeta em 2012, mesmo nível de meados da década de 1970, mostrando queda de 7,5 pontos percentuais desde 2000, segundo estudo feito pelo Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM).
A perda de competitividade ficou evidente também no ouro, segmento em que as reservas brasileiras responderam por apenas 2,55% da produção no ano passado, ante 4,15% no começo dos anos 80.
Fonte: IBRAM
 
Postar um comentário