26 de novembro de 2009

O Valor da Caneta

A necessidade de auetnticar vários documentos nos levou a um Cartório de Notas.
Enquanto aguardávamos o atendimento ficamos observando como eram processados os trabalhos no local.
De repente, um amigo ao lado me sapecou uma pergunta:
"Quanto você acha que vale aquela caneta na mão da escrevente juramentada?"
Surpreso olhei para a pessoa e vi na mão dela uma simples caneta esferográfica dessas bem comuns e baratas.
Como demorei muito ele me respondeu: "Acho que vale uns cinco mil reais".

Nem respondi. Acho que a simples caneta não valia nada.
Mas naquele trabalho e naquela mão que assinava as autenticações valia muito mais...
Postar um comentário