23 de setembro de 2006

QUEREM AMORDAÇAR MAIS UM BLOG!

O texto abaixo esta no Blog do Jeso:

Acredite.

O texto desta nota (Falta muito), de autoria do publicitário Juvêncio Arruda, trata-se de uma suposta "pesquisa eleitoral" e, pior, num típico enredo kafkaniano, eu é quem sou punido por isso.

O juiz auxiliar José Alexandre Franco, do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Pará, com base em representação movida pela Coligação Liberal (leia-se ex-prefeito Lira Maia), multou o blog em R$ 54 mil por essa nota.

E mais: determinou a retirada da "pesquisa não registrada" deste espaço. O blog vai recorrer da decisão. Por obediência à lei e ainda que não tenha sido oficialmente comunicado da decisão, o blog vai retirar a nota do ar, aqui republicada com o título Queda livre.

Só não poderá fazê-lo com a nota originária, por razões óbvias. É a segunda ação movida por Lira Maia contra o blog. A primeira, sentenciada há poucos dias, também por suposto crime eleitoral, o advogado Sábato Rossetti perdeu.

Meu comentário:

Caro Jeso, não desvaneça jamais. Você como outros jornalistas e blogueiros do país dos escândalos está sendo vilipendiado por políticos de má envergadura, que, infelizmente, nós elegemos para nos representar e executar as obras que imaginávamos possíveis.

No Amapá, a jornalista Alcinéa Cavalcante trava uma luta contra o fardão Sarney. O Lúcio Flávio Pinto vem sofrendo diversas ações dos Maiorana. Outros jornalistas também vêm sendo alvo de representações nos TREs. Alguns conseguem uma ou outra vitória, mas enquanto a visão caolha da justiça civil, penal ou eleitoral permanecer neste "país do carnaval" continuaremos sendo vítimas da tentativa de amordaçamento que nos assola.

Acreditaríamos com maior prazer nesta justiça se o mais alto tribunal eleitoral não tivesse aberto a porta para os sanguessugas, euricos, mensaleiros e demais componentes da mais baixa classe de criminosos do país. É claro que existem exceções, mas são raras e se escondem quando é necessário aparecer. Vamos à luta, amigo. E venceremos todos os fardões, cipoalenses, sanguessugas e mensaleiros.

Comentário do Juca Arruda, do Quinta Emenda:

Mais do que a solidariedade, o Quinta Emenda, que não foi chamado à lide, reitera os termos do telefonema à Jeso Carneiro, há quinze dias, quando soube da querela: vai ajudá-lo a pagar a multa, caso o poster santareno não encontre provimento em seu recurso nas instancias superiores, o que este blog não acredita.

Comentário do Jeso Carneiro:

Não é a primeira investida dos cipoalenses - a versão mocoronga dos sanguessugas e mensaleiros - contra mim. E, acredite Jubal, não será a última. Essa turma, cuja mais completa tradução é o ex-prefeito Lira Maia, refugia-se na sombra, nos porões, acostumou-se à lama. A luz das informações age sobre eles como detergente. Daí a reação. Questão de sobrevivência.

2 comentários:

david disse...

O Sarney e o TRE-AP estão fazendo escola, hein.
Que horror!
Não podemos nos calar diante dessas arbitrariedades.
Me passa detalhes (alcinea.c@gmail.com) que quero postar sobre isso.

Jubal Cabral Filho disse...

Estes são os fatos acontecidos. Vou enviar complementares para divulgação via Jeso.