15 de maio de 2017

Projeto de Ouro Coringa

Este Projeto fica localizado em área de Itaituba (Cuiú-Cuiú) e era desenvolvido pela Magellan Minerals. Infere-se que a PMI não sabe de nada sobre o projeto.
A Anfield diz que a construção da mina vai demorar até um ano, mas já indiciou atividades que podem ser feitas com as licenças e autorizações disponíveis.
A mineradora Anfield Gold concluiu uma atualização da estimativa dos recursos minerais do projeto de ouro Coringa, no Pará. A nova estimativa, baseada em aproximadamente 25.200 metros de sondagens detalhadas, concluídas em março deste ano, e em dados coletados anteriormente pela Magellan Minerals, que foi adquirida ano passado pela Anfield, mostram que a área do empreendimento pode conter 376 mil onças de ouro e 584 mil onças de prata.
A preços de hoje essas onças de ouro valem US$ 468 milhões, enquanto que as onças de prata valem cerca de US$ 9,6 milhões. Contudo, deve-se considerar que recursos não são reservas e que a viabilidade econômica do empreendimento ainda não foi calculada.
Fonte: Notícias de Mineração

Postar um comentário