Geologia e Ambiental

6 de abril de 2014

Uma nova Rosário?

Após os empreendedores se instalarem em Miritituba teremos, na devida proporção, um reflexo nos moldes do porto de Rosário, na Argentina?
Lá sua posição é estratégica, pois está no centro da produção graneleira.
Aqui teremos a opção de baratear o transporte modal dos grãos para expostação.
Lá, o gerenciamento dos portos é feito pelo Ente Administrador Puerto Rosario (Enapro), que é responsável pela manutenção das redes de serviços e apoio às operações portuárias como linhas e pátios ferroviários, acessos, circulação interna de veículos no porto local, assim como iluminação, energia, agua potável entre outros. 
E aqui? ATAP ou governo do estado?
Quem comprou áreas no porto não tem saída, pois não tem estrada programada...

 
Postar um comentário