11 de outubro de 2013

Cassação de direitos políticos resolve o caos?

Mais um ex-prefeito teve seus direitos políticos cassados, por improbidade administrativa. Desta vez foi Jardel Vasconcelos, cujo irmão é o presidente da OAB/Pará. Não que isto desabone a conduta do presidente, mas ele poderia ter "aconselhado" seu mano/prefeito a ser mais comedido com a mão leve (leia aqui a íntegra da decisão judicial).

Depois que acaba, só resta multa e cassação de direitos políticos ao infrator. Os eleitores locais (pró e contra) sempre serão os penalizados.
Fica a pergunta de sempre: por que o Judiciário não promove estas ações durante o mandato do gestor?
Postar um comentário