14 de agosto de 2010

Doando o que não tem...

Do Transparência Brasil:
Dos 2.368 parlamentares em exercício nas 55 principais Casas legislativas brasileiras, 1.608 são candidatos na eleições deste ano.
São 50 senadores, 479 deputados federais, 991 deputados estaduais ou distritais (do DF) e 284 vereadores de capitais.
Desses, 39 afirmaram ter doado a suas próprias campanhas mais do que o patrimônio que declararam possuir.
Muitos outros fizeram autodoações eleitorais que correspondem a mais de 30% de seus bens.
E 49 doaram a suas próprias companhas montantes superiores a R$ 100 mil, o que, conforme a legislação eleitoral, implicaria uma renda anual de pelo menos R$ 1 milhão.
As análises decorrem dos dados recolhidos no projeto Excelências, da Transparência Brasil, o mais completo repositório de informações sobre políticos existente no país.
É responsabilidade do Ministério Público Eleitoral e da Receita Federal examinar todos os casos de candidatos que fazem doações eleitorais incompatíveis com outras informações que prestam.
Veja quem são esses políticos no relatório completo, aqui.
Por aqui temos:

Zé Geraldo (PT) Deputado federal PA Doação de R$145.000 Renda Necessária R$1.450.000;
Márcio Miranda (DEM) Deputado estadual PA Doação de R$130.000 Renda necessária R$1.300.000;

Postar um comentário